Postagens

CRISTÃOS GAYS e NÃO Gays Cristãos

Imagem
Para além da certeza de vida eterna, o Evangelho quer nos conduzir a uma vida terrena, em que a justiça é nossa âncora, a fé a nossa prática e o amor a nossa força motriz.  





Não são poucas as pessoas que dizem: "Não vou a uma igreja que prega Inclusão, porque não acredito na salvação dos LGBTQs". Como se o trabalho da igreja fosse unicamente falar de céu e inferno. Estas pessoas, algumas propositadamente, outras por pura ignorância, desprezam que entre o céu e o inferno está a terra, e a Igreja influencia diretamente a vida que temos aqui, injetando valores que são universais e indispensáveis para saúde individual e coletiva, na esfera humana e espiritual. Concluo, que muitos não congregam não é porque não acreditam na palavra da Inclusão, mas porque não querem ter seu padrão de vida tolido pelos Ensinos Bíblicos. A mensagem da Cruz exige renúncia e determinação em se parecer cada vez mais com Cristo. O Cristianismo é um só para todas as pessoas, independentemente de qualquer…

Esterilidade Espiritual

Imagem
Esterilidade Espiritual
Quando tratamos sobre o assunto “Esterilidade”, devemos considerar o seu significado figurativo e biológico. Este tem a ver com a impossibilitada de procriar – incapacidade de dar frutos, de produzir ou criar. Aquele diz respeito a uma incapacidade criativa, ausência de ação ou de iniciativa. No campo da fé, dizemos que a ESTERILIDADE tem a ver com pessoas que possuem uma FÉ MORTA. Encontramos nas igrejas cristãs muitas pessoas estéreis espirituais, que tiveram seus ministérios e sonhos neutralizados pela força do mal (diabo ou pecado), tornando-se infrutíferas na obra de Deus e na vida cristã individual. Muitas destas pessoas se tornaram apenas religiosas – passaram a ter a vida e a prática pautadas nos costumes e tradições das igrejas ou desenvolveram uma série de resistências ao dinamismo, que o Espírito Santo propõe para a Igreja de Cristo. A esterilidade espiritual é um mal que atinge a igreja de Cristo nos dias de hoje. Isso é notório na ausência injustific…

Por que ir à Igreja?

Imagem
Durante nossa trajetória no meio Inclusivo, temos nos deparado com muitos cristãos que fazem da igreja uma rodoviária religiosa, onde a rotatividade de pessoas é constante e numerosa - pessoas vêm e vão sem dar satisfação alguma, elas apenas passam por ali. A maneira banal com que o congregar é tratado reflete a visão de muitos sobre igrejas que aceitam o público LGBT: "Um lugar bom, que serve para alimentar a religiosidade fugaz e ao mesmo tempo encontrar pessoas iguais. Porém, deve-se manter uma distância de segurança, pois igrejas, em especial igrejas de confissão protestante, têm suas regras de comportamento que devem ser obedecidas pelos que querem ser membros das mesmas". Logo, concluímos que muitas pessoas não congregam constantemente, porque não querem ter seu padrão comportamental regulado por ninguém, ou porque não acreditam 100%  em igrejas que possuam uma visão afirmativa quanto a aceitação dos LGBTs. Essa descrença faz com que muitos tratem igrejas Inclusivas co…

A Cultura da Tolerância no Japão

Imagem
Nos países de cultura cristã, a homossexualidade é considerada pecado, por isso não é difícil encontrar pessoas com uma visão totalmente preconceituosa sobre o assunto. Porém, em vários países da Ásia, encontramos culturas que consideram a homossexualidade como algo normal, sem aquela imagem ligada a promiscuidade e a prostituição, que é tão comum na cultura ocidental. Um dos países da Ásia que possui cultura com valores bem diferentes dos ocidentais, e uma abordagem muito flexível sobre a homossexualidade, é o Japão. Há muito tempo, vê-se na TV  japonesa cantores e atores, que são assumidamente homossexuais, e tem uma grande popularidade, isso sem nenhuma conotação pejorativa. Quando fui ao Japão, percebi que ser homossexual é uma coisa tão normal que nem crianças nem velhos demonstram preconceitos acerca disso (o que não significa dizer que no Japão inteiro não existam preconceituosos. Refiro-me às pessoas que conheci lá), é assim e pronto. Essa cultura da tolerância tem a ver com um…

A Vida Cristã deve ser vivida não apenas aos domingos

Imagem
“Como seguidores de Jesus Cristo, nós não somos conhecidos pelo que dizemos, mas pelo que fazemos” A Vida Cristã deve ser vivida não apenas aos domingos, ou dias especiais, pelo contrário, nós devemos encarar cada dia como uma nova oportunidade de ser Cristão e levar o amor de Deus aos outros.   No filme “Feitiço do Tempo” (Groundhog Day, 1993), o ator Bill Murray faz o papel de um homem egoísta, apresentador de TV, que é forçado a viver o mesmo dia repetidamente. O feitiço do tempo só é quebrado depois que ele passa a agir com humildade e compaixão para com as pessoas que o cercavam naquele dia. Diferente do filme, nós só temos uma chance de viver cada dia da melhor maneira possível. O que você tem feito do seu dia?

A ausência de Jesus causa Homofobia

Imagem
A homofobia tem se mostrado uma doença altamente contagiosa e mortal. Pessoas infectadas por esta doença não morrem, mas matam. Casos recentes de agressão verbal e física, cometidos por homofóbicos, comprovam que este mal precisa ser combatido urgentemente. Há uma esperança encontrada em um livro muito antigo de receitas para a vida (Isaías 11:1): um chá, capaz de neutralizar todas as doenças do corpo e da alma.... Este chá é feito a partir da Raiz de Jessé e passou a ser chamado de JESUS. Pacientes que se submeteram ao tratamento relataram que ao tomar o chá, sentiram-se revigorados e cheios de compaixão, misericórdia, amor, respeito, bondade e vida.

Matéria do Jornal Novo de Natal/RN sobre a Bíblia GsG

Imagem
http://novojornal.jor.br/cotidiano/pastor-de-igreja-inclusiva-vai-lancar-nova-biblia-para-combater-o-preconceito




Marvel de Souza é pastor em Brasília, tem 35 anos de idade e frequenta a igreja evangélica desde os 12. Possui formação em literatura inglesa, língua japonesa e teologia. A dedicação ao estudo das línguas sempre prosperou paralelamente aos trabalhos que desenvolvia na igreja e foi imprescindível para o desenvolvimento do seu principal projeto, a bíblia comentada "Graça Sobre Graça". O trabalho consiste em reinterpretar o livro sagrado do Cristianismo com um aprofundamento sócio-histórico. Dentro desta perspectiva, trechos usados por pessoas religiosas para legitimar preconceitos são ressignificados e os grupos marginalizados pelas igrejas tradicionais têm a oportunidade de exercer sua fé em um processo de reincersão eclesial. Este tipo de trabalho já é realizado em igrejas inclusivas e deve ser ampliado com o lançamento da bíblia comentada. Foi este projeto que tro…

Bíblia GsG - Bíblia Gay?

Imagem
A Bíblia Comentada Graça sobre Graça foi produzida pelo Pastor Marvel Souza, pastor da Comunidade Cristã Incluídos pela Graça-IPEG, na cidade de Brasília. Nesta obra, os leitores encontrarão esclarecimentos teológicos sobre os seguintes assuntos: o espaço das mulheres no Reino de Deus, como os idosos devem ser tratados no meio religioso e na sociedade, a inclusão eclesial dos homoafetivos, travestis e transexuais, o combate ao racismo, a salvação pela graça mediante a fé, a conduta cristã ante aos sistemas de pecado no meio religioso e secular, o relativismo religioso, a secularização do cristianismo, dentre outros assuntos.
Toda repercussão deste projeto se deve ao fato de o autor, Pastor Marvel Souza ter conseguido uma autorização histórica de Cessão de Uso de Texto Bíblico pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB). A parceria entre essa instituição e o Pastor de uma igreja inclusiva, gerou em alguns setores religiosos uma série de protestos pedindo a extinção do contrato entre as part…

#SOS Commented Bible Grace upon Grace

Imagem
#SOS Commented Bible Grace upon Grace
The Commented Bible Grace upon Grace is a project which was born in 2012 in the heart of Pastor Marvel Souza and his husband, Presbyter Raphael Lira. They had realized that many Bibles in the market offered commentaries to the scriptures, but none of them clearly explained inclusion through grace. After much work, the Commented Bible Grace upon Grace is to be released in Brazil in 2016. The commentaries' writer means to discuss matters such as the ecclesial inclusion of homosexuals, transvestites, and disabled persons, the fight against racism, the role of women in Christianity, among other subject matters. The couple also intents to release the Commented Bible in Spanish and English in 2017. To conclude this project (Commented Bible Grace upon Grace) we NEED your help. Since we started this project we have invested about U$ 15,000.00 (R$ 52,000.00), but we are unable to complete the publishing Works which is about $ 18,600.00 (R$ 60,000.00). So…

Projeto GsG: A Antiga Aliança

Imagem
A Antiga Aliança


Os 39 primeiros livros da Bíblia, que foram escritos antes de Jesus, são chamados de Antigo Testamento ou Antiga Aliança. Estes livros são reconhecidos pelos judeus e pelos cristãos como inspirados divinamente para nortear a vida e a prática religiosa de todas as pessoas.
O Antigo Testamento conta sobre as origens da humanidade e a História do povo de Israel, envolvendo sua formação, cativeiro, libertação e desenvolvimento através dos tempos. Além disso, tem livros de poemas e profecias sobre o futuro.
Na Antiga Aliança a Graça Divina se manifesta constituindo, disciplinando, doutrinando, confortando, instruindo, exortando, enchendo de esperança e fé o coração do povo escolhido para ser centro de adoração a Deus e exemplo de conduta para as demais nações da terra em todas as épocas. A trama que envolve Deus, o homem e o diabo tem como pano de fundo a soberania divina, que nos diz que os planos do Senhor prevalecerão em todas as coisas. Dentro deste contexto, encontramo…

Verdades sobre o Batismo

Imagem
O Batismo em águas deve ser entendido como uma confissão pública da obra de regeneração promovida pelo Espírito Santo na vida de um Cristão – “Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito (João 3:5-6)”. Dentre as experiências que um cristão pode ter em sua vida, o batismo, quando fundamentado no modelo bíblico, torna-se uma experiência marcante. O batizando precisa estar consciente de cinco verdades em relação ao batismo:
1.Verdade do desejo: o batismo deve ser desejado por cada cristão; 2.Verdade da representação: o batismo representa novo nascimento, porém não produz; 3.Verdade do Testemunho: o batizando deve estar apto a dar testemunho público de sua fé e regeneração; 4.Verdade dos deveres: o batizando deve ser consciente de suas obrigações enquanto membro do corpo de Cristo; 5.Verdade do direito: o batizando deve ser consciente…

Adorado e Adorador

Imagem
“Por isso, recebemos nós um reino inabalável, retenhamos a graça, pela qual sirvamos a Deus de modo agradável, com reverência e santo temor, porque nosso Deus é fogo consumidor.” “Por meio de Jesus, pois, ofereçamos a Deus, sempre, sacrifício de louvor, que é o fruto de lábios que confessam o seu nome” (Hb 12:28;13.19)

A vida cristã nos oferece muitas possibilidades em relação ao ato de buscar um contato mais íntimo, puro, ortodoxo e prazeroso com Deus. Dentre essas possibilidades destaco a Adoração como estilo de vida, que prima pelo reconhecimento de quem é Deus, sua soberania, sua existência sempiterna, suas promessas e seus desígnios face ao adorador, limitado, frágil, pecador, inconstante, infiel e mortal. Encontramos na Bíblia homens e mulheres que, de diversas maneiras e em várias situações, expressaram-se com cânticos, hinos e orações, engrandecendo as propriedades e os atributos divinos (santidade, amor, grandeza, poder, sabedoria, eternidade, liberdade, justiça, bondade, longani…

Pessach - Das Trevas à Luz

Imagem
A páscoa representa para muitas pessoas um ótimo momento para dar e receber presentes. Cada vez mais pessoas associam a páscoa ao consumismo ou ao lucro, principalmente aqueles que encontram nesta data a oportunidade de vender doçuras de chocolate.
Na contramão das influências comerciais e do consumismo frenético, a Bíblia Sagrada apresenta a primeira celebração de Páscoa na história da humanidade. No livro de Êxodo (capítulo 12) encontramos o líder Moisés instruindo o povo hebreu quanto ao ritual que representaria o grande livramento (saída do Egito) que Deus lhes concederia. Longe de coelhos, ovos e chocolates, a realidade da primeira páscoa se desenrola com um cordeiro perfeito, seu sangue, fogo, pães sem fermento e ervas amargas. Segundo Moisés: “quando vossos filhos vos perguntarem: que ritual é este? Vocês responderão: Esta é a Pessach (Páscoa) do Senhor” – Ex 12:26-27.
Portanto, a primeira Páscoa foi orquestrada em um ritual que representou a verdade divina quanto à libertação do…

Dimensão Espiritual e Dimensão Racional na Adoração

Imagem
A espiritualidade que Deus tem para cada um de seus filhos não despreza o raciocínio e a capacidade de reflexão que temos, porquanto, o aspecto racional nos assemelha a Deus.No entanto, não podemos nos esquecer de buscar o sobrenatural também. É importante que creiamos nas manifestações do Espírito Santo na vida e na prática da Igreja, conduzindo cada cristão a se tornar atuante na composição do culto:
“(...) Quando vos reunis, um tem salmo, outro, doutrina, este traz revelação, aquele, outra língua, e ainda outro, interpretação” – 1Coríntios 14:26
Portanto, equilíbrio e bom senso são fundamentais para que prestemos um culto de adoração, sem supervalorizar a dimensão espiritual e nem a dimensão racional. Em um culto de adoração devemos ter uma abertura sadia às emoções e experiências com o Espírito Santo (chore, ria, glorifique, deixe ser usado em dons espirituais) como também, uma abertura à reflexão, à racionalidade (medite, ache Deus no silêncio, anote as referências bíblicas, perceb…

Quem sou eu? Quem somos nós?

Imagem
"Judeus Mataram em nome de Deus
Cristãos Mataram em nome de Jesus
Muçulmanos Mataram em nome de Alá


A palavra “Judeu” tem a sua origem no nome “Judá”, que significa “Louvor”, “Gratidão”.
A palavra “Cristão” tem sua origem na designação dada a Jesus, que significa “Ungido”, “Consagrado”. Também encontra seu significado na expressão “Aquele que é como Cristo”.
A palavra “Muçulmano” significa “Aquele que se submete a Alá”, que é "Fonte de Paz".


Deus é definido na Bíblia como AMOR.
Jesus é definido como REDENTOR.
Alá é definido na lista dos “noventa e nove nomes de Alá”, no alcorão, como “Fonte de Paz”.


É triste reconhecer que crueldade, mentira, corrupção, pecado, ganância, egoísmo, desigualdade, indiferença, discriminação, infidelidade, promiscuidade, inimizade, maledicência, disputa e idolatria, estão mascaradas de santidade, de serviço divino.
Cristãos, Judeus e Muçulmanos,


Deus é AMOR
Jesus é REDENTOR
Alá é FONTE DE PAZ 
Quem sou eu?
Quem é você? Quem somos nós?"

Theology of Inclusion

Imagem
The true religion taught by the the Bible is:

The Theology of inclusion is based on the teaching of Jesus about judgment and grace, "Do not judge so that you may not be judged." (Matthew 7:1); "For God so loved the world that he gave his one and only Son, that whoever believes in him shall not perish but have eternal life." (John 3:16). The majority of Christians have come to believe quite the opposite, some of these are church leaders. These Christians have decided that it is perfectly appropriate to judge others and to declare an abomination what isn't condemned by the Bible, but usually only for certain practices or beliefs that they have decided are contrary to God’s will. Thus the Church has often allowed prejudice to become rampant and even dominant in its philosophy of life. The Theology of inclusion strives to be accepting and non-judgmental toward others.

The traditional Christianity has come to exclude certain people. Some are excluded because they hav…

God chooses His people

Imagem
Grace is present when God chooses His people – Book of Genesis
We find God's grace in the Old Testament as a fundamental element when God chooses His people. The people who were connected to the divine plan were not virtuous enough to be chosen and to become the people of God. One should notice that the last of the patriarchs in the book of Genesis is a complicated individual, who turns out to be a consummate cheater. Nevertheless, he was chosen to become the father of those who would later form the twelve tribes of Israel, not to mention that he would be the forefather of Jesus Christ, our Savior. As the people of God are chosen, grace finds us, regardless of our faults or virtues. The following explanation demonstrates how the grace of God chooses men:
·Abraham's eldest son was Ishmael. Nevertheless, Isaac was the one to receive the promise;

Isaac's eldest son was Esau, but it was Jacob who carried the blessing forward;

Jacob's eldest son was Reuben, but Judah's line…