Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2014

Em parte conhecemos

Imagem
Analogia de Karl Barth sobre nosso conhecimento com respeito a Jesus:
"Um homem está em uma janela observando a rua. Lá fora, as pessoas estão fazendo sombra com as mãos sobre os olhos e olham para o céu. Por causa da arquitetura do edifício, o homem não consegue ver para o que estão apontando. Nós, que vivemos dois mil anos depois de Jesus, temos uma perspectiva semelhante à do homem que estava na janela. Ouvimos os gritos de exclamação. Estudamos os gestos e as palavras nos evangelhos e os muitos livros que geraram. Mas, por mais que estiquemos o pescoço, não teremos um vislumbre de Jesus na carne."

Curados por Cristo

Imagem
"Um cego à beira do caminho clama: “Jesus, filho de Davi, tem compaixão de mim” –  Lucas 18:35-43. Um cobrador de impostos corre para ver Jesus – Lucas 19:1-10. A multidão comprimia Jesus de modo que o clamor do cego não era ouvido e a visão do cobrador de impostos impedida de alcançar o mestre Jesus. Para piorar a situação do cego, alguém o manda calar a boca, pois o mestre não o ouviria. No entanto, cada vez mais alto ele clamava: “Jesus, filho de Davi, tem compaixão de mim”. O cobrador de impostos sobe em um pé de figueira, por ser de pequena estatura. O cego precisa ser ouvido por Jesus. O cobrador precisa ouvir Jesus. O primeiro está à beira do caminho. O segundo em cima de uma árvore também no caminho. Jesus passa pelo caminho. O clamor é ouvido. Zaqueu é visto. Ao cego Jesus pergunta: “O que queres que eu te faça?”. Para Zaqueu Ele diz: “Hoje me convém pousar em sua casa.”. O cego tinha um problema no corpo e queria a cura. Zaqueu tinha um problema na alma e também queria a cura. O c…